APLICATIVO Sobre Processo de Enfermagem em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal

Nome: Jhonathan Lucas Araujo
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 26/03/2018
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Cândida Caniçali Primo Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Cândida Caniçali Primo Orientador
Eliane de Fátima Almeida Lima Examinador Interno
Hugo Cristo SantAnna Suplente Externo
LUCIANA DE CASSIA NUNES NASCIMENTO Examinador Externo
Mirian Fioresi Suplente Interno

Resumo: Introdução: O processo de enfermagem é o instrumento recomendado para a operacionalização da assistência de enfermagem. Em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN), ainda é realizado de forma fragmentada e não utiliza uma taxonomia para fundamentar o processo. Objetivo: Desenvolver um aplicativo para a realização do processo de enfermagem na assistência ao recém-nascido. Metodologia: Trata-se de um estudo qualitativo, em duas etapas. Na primeira, a metodologia participativa da pesquisa-ação, proporcionou a realização de seminários para elaboração e validação de instrumentos para histórico, diagnóstico e intervenções de enfermagem. Na segunda etapa foi desenvolvido um aplicativo para operacionalizar a execução e registro do processo de enfermagem. Participaram do estudo 11 enfermeiros lotados na UTIN do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes. Os cinco seminários ocorreram de janeiro a março de 2017, e as falas foram gravadas e transcritas para posterior análise. O aplicativo foi elaborado de março a dezembro de 2017. Resultados: Foram elaborados e validados instrumentos para histórico, diagnóstico e intervenções de enfermagem, considerando o referencial teórico das Necessidades Humanas Básicas de Wanda Horta e a taxonomia da Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem. Tais instrumentos constituíram a base para a elaboração do aplicativo. Produtos: Quanto aos produtos, foi elaborado um instrumento para histórico e diagnóstico de enfermagem e outro para intervenções de enfermagem. Foi elaborado também um aplicativo para execução e registro do processo de enfermagem. Conclusão: O processo de enfermagem é uma ferramenta cotidiana do uso do enfermeiro assistencial. Tecnologias que o tornem mais eficaz e eficiente são necessárias, visando a melhoria da qualidade e assertividade do cuidado de enfermagem. Um aplicativo que operacionaliza o processo de enfermagem foi capaz de tornar a assistência de enfermagem mais segura, rápida e científica.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105