Cuidado à Pessoa com úlcera venosa: subconjunto terminológico da classificação internacional para a prática de enfermagem

Nome: Araceli Partelli Grasse
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 29/09/2017
Orientador:

Nomeordem crescente Papel
Thiago Nascimento do Prado Orientador

Banca:

Nomeordem crescente Papel
Thiago Nascimento do Prado Orientador
Thiago Moura de Araújo Examinador Externo
Sheilla Diniz Silveira Bicudo Coorientador
Maria Edla de Oliveira Bringuente Examinador Interno
Carolina Maia Martins Sales Suplente Externo
Cândida Caniçali Primo Suplente Interno

Resumo: Introdução: As úlceras venosas são graves problemas de saúde, haja visto a sua alta prevalência na população mundial, serem de tratamento longo, com alta recidiva e causando incapacidades, sofrimento, gastos financeiros e prejuízos à qualidade de vida das pessoas que as portam. Organizar a assistência de enfermagem por meio do Processo de Enfermagem para essa prioridade de saúde implica em melhoria da qualidade do cuidado prestado. Objetivos: Elaborar o Subconjunto terminológico da Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem (CIPE®) para o cuidado à pessoa com úlcera venosa orientado pela teoria das Necessidades Humanas Básicas de Wanda Aguiar Horta. Construir enunciados de diagnósticos, resultados e intervenções de enfermagem da CIPE® para o cuidado à pessoa com úlcera venosa orientado pela teoria das Necessidades Humanas Básicas de Wanda Aguiar Horta. Validar os enunciados de diagnósticos, resultados e intervenções propostas para o cuidado à pessoa com úlcera venosa. Estruturar o Subconjunto terminológico CIPE® o cuidado à pessoa com úlcera venosa orientado pela teoria das Necessidades Humanas Básicas de Wanda Aguiar Horta. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa metodológica que seguiu os seguintes passos. 1) Identificação e validação das evidências empíricas relacionadas à úlcera venosa descritas na literatura, por meio de uma revisão integrativa de literatura com busca nas bases de dados. 2) Mapeamento das evidências com os termos da CIPE®. 3) Elaboração dos enunciados de Diagnósticos, Resultados e intervenções de enfermagem e construção das Definições Operacionais. 4) Validação de conteúdo por consenso dos enunciados construídos de Diagnóstico, Resultados e Intervenções de enfermagem com juízes. 5) Organização e estruturação do Subconjunto CIPE® para o cuidado à pessoa com úlcera venosa. Resultado: 86 diagnósticos e 308 resultados de enfermagem validados pelo grupo de juízes enfermeiros. Produto: Subconjunto terminológico da CIPE® para o cuidado à pessoa com úlcera venosa. Conclusão: A CIPE® evidenciou-se como uma taxonomia compatível e aplicável à clínica do enfermeiro, com potencial para a organização do processo de trabalho. Há a perspectiva de parceria para inclusão a uma disciplina de graduação de enfermagem da Universidade Federal do Espírito Santo, assim como incorporação ao Prontuário Eletrônico para utilização dos Enfermeiros da Atenção Básica de Saúde do Município de Vitória.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105