ATITUDES DO ENFERMEIRO FRENTE AO PROCESSO DE ENFERMAGEM.

Nome: Cristiane Rodrigues Silva
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 14/12/2015
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Eliane de Fátima Almeida Lima Co-orientador
Mirian Fioresi Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Cândida Caniçali Primo Suplente Interno
Eliane de Fátima Almeida Lima Coorientador
Elizabete Regina Araújo de Oliveira Examinador Externo
Lorena Barros Furieri Examinador Interno
Maria Tereza Coimbra de Carvalho Suplente Externo
Mirian Fioresi Orientador

Resumo: Objetivos: Analisar a posição do enfermeiro frente ao Processo de Enfermagem em um hospital universitário. Método: Trata-se de um estudo transversal analítico. A amostra foi composta por 141 enfermeiros. A coleta de dados foi realizada através do instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem (PPE). A pontuação total do PPE poderia variar entre 20 e 140. Os escores nos itens do PPE foram interpretados como: mais desfavoráveis (escore médio &#8804; 4,5); favoráveis (escore médio de 4,6 a 5,4) e fortemente favoráveis (escore médio &#8805; 5,5). Análise estatística: Estatística descritiva e associações, realizadas por meio do teste Qui-quadrado de Pearson. P< 0,05 foi considerado significante. Resultados: Os escores gerais variaram entre 73 e 138. O escore total médio do PPE foi de 113,29 (DP = 15,33). Os enfermeiros percebem o PE como significativo, valioso, positivo, inteligente, válido, significante, relevante, recompensador, conveniente, aceitável, bom e
importante, demostrando, portanto, atitudes fortemente favoráveis ao PE. A
pontuação obtida na análise dos itens que incorporam os adjetivos claro, agradável, forte, confortável, realista e facilitador apresentaram escores entre 4,6 e 5,4, logo, classificaram as posições dos enfermeiros frente a esses atributos como favoráveis ao PE. Somente na análise dos itens que incluem os adjetivos difícil e rotineiro o escore médio obtido foi &#8804; 4,5, demonstrando atitudes mais desfavoráveis ao PE. Ainda, apresentar satisfação com a carreira, satisfação com o setor de trabalho, ter conhecimento prévio de diagnósticos de enfermagem são variáveis relacionadas às atitudes favoráveis frente ao PE. Conclusão: Este estudo permite concluir que os enfermeiros da instituição estudada possuem atitudes favoráveis ao PE. Ainda, as variáveis relacionadas às atitudes favoráveis são: apresentar satisfação com a
carreira, satisfação com o setor de trabalho e ter conhecimento prévio de
diagnósticos de enfermagem.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105