Violência contra a mulher: impacto na gestação, parto e puerpério

Resumo: Resumo: Além de um problema social e de direitos humanos, a violência contra a mulher, tanto no Brasil como no mundo, vem ganhando destaque e já pode ser reconhecida como um grande problema de saúde pública. Presente também durante o período gestacional, parto e puerpério, e não menos comum, este fenômeno relaciona-se a um padrão muito grave de violência trazendo consequências significativas para a saúde da díade mãe-filho. Visando a importância do tema e a carência de estudos nesta área, a presente pesquisa tem como objetivo avaliar as evidências disponíveis sobre o impacto, na saúde, da violência contra a mulher durante a gestação, parto e puerpério. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, que percorrerá as seguintes etapas: identificação do tema, busca na literatura, categorização dos estudos, avaliação dos estudos, interpretação dos resultados e a síntese do conhecimento evidenciado nos artigos analisados. Espera-se que com a pesquisa, identificar o impacto da violência em gestante, parturientes e puérperas, bem como verificar lacunas existentes.

Data de início: 2012-08-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Franciéle Marabotti Costa Leite
Pesquisador Cândida Caniçali Primo
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105