Gestão de Risco na Segurança do Paciente Com Transtorno Mental.

Nome: FERNANDA CORDEIRO SIRTOLI
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 13/07/2017
Orientador:

Nome Papelordem decrescente
ELIANE DE FÁTIMA ALMEIDA LIMA Orientador

Banca:

Nome Papelordem decrescente
CÂNDIDA CANIÇALI PRIMO Coorientador
ANA INÊS SOUSA Examinador Externo
FLÁVIA BATISTA PORTUGAL Examinador Interno
ELIANE DE FÁTIMA ALMEIDA LIMA Orientador
KARLA CROZETA FIGUEIREDO Suplente Externo

Páginas

Resumo: Introdução: A gestão de riscos é parte integrante de todos os processos das organizações, e ocorre simultaneamente às atividades da instituição. Ao se referir à assistência em saúde, a Segurança do Paciente é um eixo essencial da qualidade do serviço, porém a discussão dessa temática ainda é limitada no âmbito da saúde mental. Dessa forma, buscando atender uma solicitação da instituição hospitalar na qual a mestranda atua propôs-se implantar a gestão de risco na segurança do paciente em hospital de referência em saúde mental. Esse projeto está alinhado a linha de pesquisa organização e avaliação dos sistemas de cuidados à saúde. Objetivos: Identificar fatores de risco que influenciam na segurança do paciente com transtorno mental; elaborar protocolos de segurança do paciente; construir o diagrama da gestão de risco e eventos monitorados na segurança do paciente com transtorno mental; elaborar uma Proposta textual de software para gestão interna de notificações de incidentes. Método: Utilizou-se a pesquisa-ação, de abordagem qualitativa. Os participantes foram os 13 membros da equipe multidisciplinar responsáveis pela assistência aos pacientes com transtorno mental. A coleta de dados ocorreu de 03 de outubro de 2016 a 27 de março de 2017. Os 13 participantes foram divididos em dois grupos. Cada grupo participou de 8 encontros, além do encontro de encerramento que foi realizado em um único evento com todos os participantes. Resultados: A partir da análise do corpus textual dos encontros, obteve-se 03 categorias: Construção dos protocolos; Elaboração de diagrama e da Proposta textual de software para gestão interna de notificações de incidentes e A pesquisaação como estratégia coletiva para organização da gestão de risco na segurança do paciente com transtorno mental. Produtos: Foram desenvolvidos três produtos: diagrama em árvore da gestão de risco na segurança do paciente com transtorno mental; Protocolos de Segurança do Paciente com Transtorno Mental, tecnologia gerencial constituída por sete protocolos; proposta textual de software para gestão interna de notificações de incidentes. Conclusão: As ferramentas gerenciais foram elaboradas com a participação efetiva e integral de toda a equipe multidisciplinar. Além do alcance dos objetivos, ressalta-se que ocorreram algumas mudanças na instituição do estudo. A mais notória foi a criação e nomeação oficial do Núcleo de Segurança do Paciente e o convite à pesquisadora para assumir a presidência deste serviço. Desta maneira, essa pesquisa iniciou um processo de mudança de cultura institucional referente à Segurança do Paciente. Os produtos são relevantes para o desenvolvimento científico e tecnológico, tendo potencial de gerar impacto e ser aplicado a nível local, regional e nacional, pois podem ser utilizados para operacionalizar a gestão de riscos à segurança do paciente com transtorno mental. Os instrumentos foram incorporados e estão em uso na instituição.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105